Sindicatos cobram e FENABAN aceita criar canal de atendimento às mulheres vítimas de violência

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

Compartilhe em sua rede social

A FENABAN aceitou a nesta quarta-feira(19) a reiteração do pedido para criação dos canais de atendimento às bancárias vítimas de violência, seja doméstica ou as ocorridas em outros ambientes sociais, inclusive no trabalho. A solicitação já havia sido realizada em março de 2019, na mesa que discutiu a mudança do caráter do Censo da Diversidade Bancária.

Os detalhes deste acordo bem como o formato dos canais serão definidos nos próximos dias.

Carolina Roveroni, diretora do sindicato, ressaltou a importância da criação dos canais de denúncia e auxílio às vítimas.

“infelizmente o preconceito e a discriminação ainda é elevado em nosso país, na categoria bancária também existem mulheres que são vítimas de violência, sendo de fundamental importância a criação de um canal sigiloso onde as vítimas possam realizar as denúncias, além de obter auxílio jurídico, psicológico, colocando fim à agressão”.

Outras Notícias